Desculpe o transtorno, mas precisamos falar da alteração.

Desculpe o transtorno, mas precisamos falar da alteração.

Artigos / 01.01.2017 / Por Matheus Telmo

Eu a conheci no meu primeiro dia de agência. Ela veio ao meu encontro toda enfeitada, maquiada e com segundas intenções, que eu mal desconfiava. Até achei aquilo normal no começo, de chegar e me invadir de tal maneira, quase como se fosse uma música, mas era só um áudio no whats, quase como se fosse um poema, mas era só um texto curto com palavras mal escritas, quase como se fosse um encontro ao acaso, daqueles que enchem o nosso dia de alegria, mas era só uma abordagem despreparada e proposital, quase como se fosse uma carta de amor, mas era só um e-mail com o logo em .doc anexado.

Nosso amor não foi à primeira vista. Na verdade, ele nunca aconteceu. Foi um amor mal correspondido, eu confesso. Eu nunca te amei como deveria, alteração, talvez por isso você seja tão traumática na minha vida. O seu primo Briefing não fez seu papel direito ao não me explicar tim-tim por tim-tim como as coisas deveriam ser. Provavelmente a culpa seja dele, e do seu pai, o tal Atendimento, que não o criou corretamente. Mas o fato é um só, hoje estamos aqui, frente a frente, com o coração pulsando energias negativas e me fazendo procurar playlists tristes no spotify.

Na verdade, eu não quero mais ver você, nunca mais. Mas eu sei que você sabe meu endereço e volta e meia vai aparecer na minha porta, pedindo atenção, com toda a sua indelicadeza. E eu vou ter que te pegar pela mão e levar até a casa de seu pai, o Cliente.

Eu só queria te pedir pra conversar melhor com o Briefing, seu primo, e talvez até seu tio, o Atendimento, antes de aparecer por aqui. Talvez eles consigam te mostrar que isso não seja necessário, que meu espaço precisa ser preservado e que você me faz mal. Ainda não superei nosso relacionamento, então, por favor, tente não aparecer novamente.

Espero que você não veja isso como indelicadeza de minha parte, apenas não te amo.

Sinceramente,
Designer Mão de Vaca.

Esperamos que este post tenha te ajudado! :)

Ajude o DMV a continuar crescendo, com apenas R$ 3,00 por mês. Seja um DMV de carteirinha! Clique aqui.

tenha seus favoritos em qualquer dispositivo, entenda

Assine o Mão de Vaca News e receba nosso conteúdo em primeira mão, de vaca.

Parceiros

Designio Projetos Criativos
Topway English School
AMS Registro de Marcas
mLabs